Lasanha de Bacalhau com Grelos

Para quem for ler esta receita ela pode parecer só mais uma das mil e uma maneiras de fazer bacalhau. Para mim, há-de ser sempre um motivo para me rir. 
A história é comum...é mais uma daquelas em que nós tentamos pensar em casal o que vamos fazer para o jantar. Já tinha sido decidido que era bacalhau, mas faltava decidir como. E de repente o meu namorado diz: "E se fosse lasanha??". E eu digo:"Pode ser!". Nunca tinha experimentado e o meu cérebro já estava a dar voltas a pensar no tempero e no molho quando ele diz: "A sério?? Eu estava a gozar! Isso existe??!". De certeza que existia, mas se não existisse inventava-se...agora estava-me a apetecer fazer, experimentar e provar lasanha de bacalhau. E como havia no frigorífico uma porção pequena de grelos que não ia dar para um acompanhamento decente, resolvi integrá-los na lasanha como uma das camadas. 
Então, cozi o bacalhau e depois desfi-lo em lascas, removendo a pele e as espinhas. Em seguida, fiz dele uma espécie de tomatada. Refoguei uma cebola num pouco de azeite e acrescentei uma lata de tomate em pedaços e o bacalhau. Temperei com um pouco de sal e piri-piri e deixei apurar um pouco. Entretanto, fiz um béchamel com leite de soja (farinha, manteiga e o leite). Fiz pouco, porque o bacalhau já tinha molho e queria reduzir a parte má da lasanha. Cozi os grelos e passei as folhas de lasanha por água a ferver (usei só 6, 3 por cada camada). 
Montei a lasanha por camadas e levei ao forno polvilhada com um pouco de pão ralado até tostar. 
O meu namorado continua a não ser o maior fã do conceito, mas eu gostei da experiência. Bom para um jantar, acompanhado de um bom vinho tinto. 


Sem comentários:

Enviar um comentário