Para o Dia dos Namorados...o que tu e eu quisermos

O Dia dos Namorados é o dia em que se comemora o amor...não são necessários milhões de gestos (apesar de serem bonitos), é necessário apenas celebrar o amor que sentimos com a pessoa com quem partilhamos a vida.
Este ano decidimos fazer essa celebração com um belíssimo jantar! Eu decidi a sobremesa, o meu namorado o prato principal e à última da hora fiz um petisco que serviu de entrada a esta refeição. Folhados de linguiça!


Fácil! E de belo efeito! Massa folhada fresca cortada em triângulos e pedaços de linguiça no centro. Depois de todos enrolados passei só com gema de ovo misturada com um pouco de água por cima dos folhados e estes foram ao forno. O pormenor mais importante é colocar todos os folhados com a ponta exterior da massa folhada virada para baixo. Um bom petisco para enquanto apura o que vem a seguir: Açorda de Marisco! 


Não usei uma grande variedade de marisco...os tempos são de crise e com tanto pão também não é preciso demasiado recheio. Usei apenas camarão, que foi frito em azeite e alho, e amêijoas que foram cozinhadas na própria açorda. E este prato, apesar do trabalho que pode dar, não é difícil de executar. É apenas muito difícil de temperar. 
A base da açorda é o pão. 6 pães que foram cortados em fatias e demolhados. O pão é depois acrescentado a um refogado de alho (bastante), azeite, pimento e 2 tomates em cubos. Quando a mistura do pão ferve introduzem-se as amêijoas depois de bem limpas. Deixa-se cozinhar durante cerca de 5 minutos. Finalmente acrescenta-se uma gema de ovo e envolve-se na açorda e, por último, os coentros picados. E agora a parte mais difícil: rectificar o sal. A minha não ficou perfeita por falha neste passo, pecou pela falta de sal. Enfeitei com os camarões fritos e depois foi só comer! 
Havia que deixar espaço para a sobremesa que já nos esperava no frigorífico. Para mim, esta é a parte mais importante num jantar de S.Valentim. E para ser uma sobremesa digna deste dia tem que ter chocolate à mistura, porque o chocolate é sensual e inspira o amor. Por isso mesmo esta sobremesa tinha quantidades incríveis de chocolate!!!!!




Cá está a minha Tarte de Chocolate e Avelã! Para a base usei bolachas digestivas, avelã e manteiga derretida. Preenchi a base da tarteira com esta mistura e pressionei até ficar compacta e coloquei no frigorífico. Para a mistura de chocolate usei uma lata de leite condensado e 3 gemas que foram ao lume. No fim, acrescentei uma tabelete de chocolate em pedaços pequenos e mexi até o chocolate derreter. O perfume do chocolate encheu a cozinha e aí sim cheirou a Dia dos Namorados!!! Coloquei o chocolate em cima da base e regressou ao frigorífico até à hora do jantar. Ao servir, coloquei uma bola de gelado em cima da fatia...chocolate e avelã no gelado! Acho que a palavra delicioso não chega para descrever esta sobremesa!!

Esta refeição à luz de um conjunto de velas espalhadas na mesa e nós os dois! Tudo o que é preciso para a felicidade acontecer é nós os dois juntos...a refeição foi só para melhorar as coisas!!!!
  

Sem comentários:

Enviar um comentário