Apple pie

Na culinária internacional existem opções de tarde de maçã para quase todos os gostos...à excepção das pessoas que não gostam de maçã; mas também seria estúpido presumir que existisse uma opção para esses. Existe a opção mais europeia de base baixa e mais simplificada e depois existe a opção mais americana em que a maçã é o recheio de algo que se parece com um pastel gigante e que se presta a muitas lembranças daqueles que cresceram na geração American Pie!
Eu fui para aquilo que eu diria ser uma versão mais inglesa...europeia pela massa baixa e crocante e inglesa em específico porque a maçã estava parcialmente coberta por uma espécie de crumble de que eu gosto particularmente. 
A massa era massa quebrada de compra (porque eu até posso ter tempo, mas não tenho grande jeito para preparar massas), coberta por maçã reineta cortada em gomos finos que vai ao lume com açúcar louro e canela e depois é coberta por um crumble simples de manteiga, açúcar e farinha. 
Vai tudo para o forno e pronto. Não é bom para todos os gostos..mas eu até gostei. Talvez fiquem alterações a fazer para a próxima vez. 


Sem comentários:

Enviar um comentário